Como evitar que o bebê adoeça pelo novo coronavírus

O Departamento de Neonatologia da Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP) compartilha informações sobre a Covid-19 com gestantes ou mamães.

Quando a gestante é considerada suspeita de Covid-19? 

Quando a gestante teve “gripe” nos últimos 14 dias ou contato domiciliar com pessoa “gripada” nesse período, a gestante e seu bebê são suspeitos de Covid-19.

Se a gestante NÃO tiver suspeita de Covid-19 por ocasião do parto, quais devem ser os cuidados durante a internação e após a alta? 

Se o bebê nascer bem, com mais de oito meses de gestação: cuidados de rotina, ou seja, alojamento conjunto e aleitamento materno exclusivo, desde a sala de parto, com contato pele-a-pele.

Se o bebê não nascer bem ou for prematuro – com menos de oito meses de gestação: ele será internado na enfermaria neonatal para receber os cuidados necessários. A mãe deve retirar seu leite para ser oferecido ao bebê e, assim que ele tiver condição, poderá amamentá-lo.

Após a alta, as medidas mais importantes para prevenir a doença são: ficar em casa e lavar bem as mãos antes de cuidar do bebê, além de não receba visitas em casa. Mande notícias e fotos pelo WhatsApp ou por outros meios de comunicação virtual.   

blankita_ua | pixabay.com

Se a gestante teve gripe ou contato domiciliar com pessoa “gripada” nos últimos 14 dias, quais cuidados são necessários ao nascimento e na internação?

Nesse caso, a gestante e seu bebê são suspeitos de Covid-19 e receberão cuidados especiais. O recém-nascido não será colocado junto da mãe na sala de parto e será transportado para o quarto em incubadora.

Se o bebê estiver bem e a gestação tiver sido de oito meses ou mais, ambos podem ficar em alojamento conjunto, em quarto privativo, com distância de dois metros entre a cama da mãe e o berço.

Se o bebê for prematuro (com menos de oito meses de gestação) ou se ele tiver sintomas da doença, ficará em incubadora na UTI Neonatal para ser monitorizado.

Se tenho suspeita de Covid-19 posso receber visitas na maternidade? Posso amamentar?

  • Visitas NÃO. As visitas nas maternidades estão SUSPENSAS durante a pandemia da Covid-19.
  • Amamentar SIM, mas a mãe deve sempre usar máscara e lavar bem as mãos antes e após ter contato com o bebê.

É preciso pesquisar o vírus no meu bebê se eu tenho suspeita de Covid-19?

O Ministério da Saúde recomenda pesquisar o vírus no bebê que apresenta sintomas da doença. Alguns serviços têm pesquisado também nos bebês assintomáticos.

Quais orientações devem ser dadas na alta se tenho suspeita da doença?

Na alta, a mãe será orientada sobre os sinais de alerta de doença no bebê.

Em casa mãe e bebê devem ficar em quarentena até 14 dias do início dos sintomas; para sair da quarentena é preciso estar há três dias sem sintomas. Nesse período, é preciso manter os mesmos cuidados adotados durante a internação, ou seja, manter dois metros de distância entre o berço e a cama, usar máscara e lavar bem as mãos antes e após tocar no bebê ou amamentá-lo.    

___
Relator:
Departamento Científico de Neonatologia da Sociedade de Pediatria de São Paulo


Este blog não tem o objetivo de substituir a consulta pediátrica. Somente o médico tem condições de avaliar caso a caso e somente o médico pode orientar o tratamento e a prescrição de medicamentos.


Licença Creative Commons

Esta obra foi licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Brasil.