A coluna Momento Saúde foi criada para que você possa ter informações rápidas sobre um determinado tema de relevância para a saúde das crianças e adolescentes, com textos curtos e de linguagem simples. Com uma postagem por semana, esta coluna será seu momento de dicas, alertas e cuidados.

O assunto agora é:
infecção urinária na infância

Sintomas da infecção urinária

A infecção urinária na infância nem sempre apresenta sintomas, especialmente nos recém-nascidos e lactentes jovens. Nestes pacientes, o sintoma pode variar desde não ganhar peso adequadamente, falta de apetite, urina com cheiro forte, irritabilidade, alteração do sono, choro persistente até febre sem razão aparente.

Em crianças maiores, podemos, além da febre, identificar queixas relacionadas a urina, tais como: urina com cheiro forte, com sangue e, naqueles que já têm o controle da urina, vontade muito frequente de urinar e pequenas quantidades a cada vez (polaciúria), dor para urinar (disúria), urgência ou perdas urinárias nas roupas.

Podem, ainda, apresentar outros sintomas como: dor nas costas, no pé da barriga, queda do estado geral.

A infecção urinária deve sempre ser descartada quando houver febre de origem não determinada em crianças.

t.tomsickova | depositphotos.com

___
Relatora:
Dra. Paula Ronsse Nussenzveig

Departamento Científico de Nefrologia da Sociedade de Pediatria de São Paulo.

Publicado em 15/04/2019.

Este blog não tem o objetivo de substituir a consulta pediátrica. Somente o médico tem condições de avaliar caso a caso e somente o médico pode orientar o tratamento e a prescrição de medicamentos.

Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Brasil.