Miopia na era digital

Atualmente vivemos uma epidemia de miopia em crianças no mundo todo. Nos últimos anos, houve um aumento de 35% de crianças míopes, chegando a 60% em alguns países asiáticos, como Singapura.

twinquinn84 | Pixabay

Vários estudos têm sido realizados para se descobrir quais fatores estão relacionados com o aparecimento da miopia na criança e como podemos preveni-la. Essa preocupação é justificada pelo fato de sabermos que quanto mais cedo começa a miopia, maior será o grau alcançado na idade adulta. E graus altos, acima de 5,00, aumentam o risco de descolamento de retina, catarata e glaucoma.

O fator hereditário é uma causa importante, pois se ambos os pais têm miopia, a criança tem de 30 a 40% de chance de apresentá-la. Se apenas um dos pais tem, essa probabilidade cai para 20 a 25% e o risco será menor que 10% quando não existe antecedente hereditário.

Os fatores ambientais e os hábitos da criança tornam-se cada vez mais importantes na gênese da miopia. Estudos demonstraram que crianças que moram em zonas urbanas, por ficarem mais dentro de casa, têm uma prevalência maior de miopia do que as que moram em zonas rurais, que usam mais a visão para longe no horizonte. Outro estudo demonstrou que crianças que praticam esportes e passam mais tempo brincando em locais externos têm menos risco de desenvolver miopia. Já as crianças que fazem atividades usando a visão para perto, a menos de 30 cm, e de forma prolongada tiveram uma incidência maior de miopia.

A luz natural do sol controla o crescimento do globo ocular, além de dar maior profundidade de foco, por isso crianças que brincam ou estudam usando a luz natural tem menos miopia. As salas de aula com grandes janelas e entrada de sol são melhores do que as que utilizam a luz artificial, uma vez que podem prevenir o desenvolvimento ou o aumento da miopia.

Na era digital, onde as crianças são expostas cada vez mais cedo ao uso de celulares e tablets, fica difícil para os pais proibir ou inibir o uso desses dispositivos eletrônicos. Mas algumas medidas devem ser tomadas na tentativa de reduzir o aparecimento da miopia e sua progressão:
• Limitar o uso dos dispositivos em 30 minutos por período (manhã, tarde e noite);
• Nunca usar com proximidade menor que 30 cm e, se for possível, fazer a criança assistir televisão a distâncias maiores;
• Levar a criança para brincar em locais abertos onde ela será estimulada a usar a visão para longe;
• Tomar sol pelo menos 2 horas ao dia;
• Estudar próximo a janela, usando a iluminação natural do sol, e olhar para longe a cada 15 ou 20 minutos;
• Praticar esportes e brincadeiras de rua.

USAGI_POST | Pixabay

___
Relatora:
Dra. Marcia Keiko Uyeno Tabuse
Membro do Departamento Científico de Oftalmologia da SPSP

Publicado em 11/09/2018.

Este blog não tem o objetivo de substituir a consulta pediátrica. Somente o médico tem condições de avaliar caso a caso e somente o médico pode orientar o tratamento e a prescrição de medicamentos.

Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Brasil.

Author: SPSP

Share This Post On