Dúvidas sobre amamentação (parte 3)

medium_3467632119Como prevenir e tratar as fissuras no mamilo
Tanto a prevenção como o tratamento se baseiam em uma boa pega. Quando a mãe refere dor na pega isso já é um sinal de que algo não vai bem e precisamos intervir imediatamente. Deve-se checar se o bebê está abrindo bem a boca, se está conseguindo abocanhar a aréola (mais a inferior) se os lábios estão voltados para fora (boca de peixinho).
A mama não pode estar muito cheia, pois a pega ficará mais difícil, a criança terá dificuldade de abocanhar a aréola e pegará somente no bico causando fissuras.
A mãe deverá aprender massagear o peito e fazer a ordenha, de preferência manual, para evitar que a mama fique muito cheia. Para esvaziar a mama (ordenha) a mãe deve pressionar com o polegar e o indicador (em pinça) na transição da áreola e mama, com movimentos de aperta e solta, sem deslizar os dedos para que haja a saída do leite

Qual a duração da mamada?
Não existe um tempo rígido de duração da mamada. Cada criança tem um ritmo e a mãe passará a conhecê-lo. Quando satisfeita a criança larga o peito. O importante é deixar que ela esvazie a mama totalmente para que o bebê retire todos os nutrientes. Não devemos ficar trocando de mama, pois essa pratica dificulta a retirada do leite posterior (leite do final da mamada) que é rico em gordura e que dá a condição de saciedade ao bebê. O bebê que consegue chegar ao leite de final da mamada (leite posterior) ganha peso e dorme melhor.

___
Relatoras:
Marisa da Matta Aprile
Presidente do Departamento Científico de Aleitamento Materno da SPSP (2013-2016)
Maria José Guardia Mattar
Vice-presidente do Departamento Científico de Aleitamento Materno da SPSP (2013-2016)

Publicado em 04/12/2013.
photo credit: c r z via photopin cc

Este blog não tem o objetivo de substituir a consulta pediátrica. Somente o médico tem condições de avaliar caso a caso e somente o médico pode orientar o tratamento e a prescrição de medicamentos.

Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Brasil.

Author: SPSP

Share This Post On